Orientações para pacientes em uso de Interferon

Durante seu tratamento, é muito importante tomar algumas precauções, pois só assim terá como diminuir alguns dos efeitos colaterais que poderá aparecer. Algumas medidas simples podem fazer grande diferença e, conhecendo os cuidados a serem tomados, você estará garantindo uma melhoria do seu bem estar, além de saber que o que vem acontecendo está sob seu controle.
O interferon é um medicamento que vai estimular nosso sistema de defesa a combater a infecção viral. O interferon peguilado e um aperfeiçoamento do medicamento fazendo sua aplicação ser semanal. As aplicações consistem em injeções por via subcutânea (debaixo da pele). É o mesmo tipo de agulha e seringa que os diabéticos costumam usar para tomar insulina.
Cada pessoa reage de uma maneira diferente. O efeito colateral mais comum desse tratamento é a síndrome gripal (sintomas parecidos com uma gripe), que geralmente aparece nas primeiras injeções. Alguns pacientes relatam dores musculares, febre, calafrios e mal-estar que duram entre 4-8 horas. Essas sensações tendem a desaparecer assim que o organismo se acostumar com as doses de interferon.
Existem alguns outros sintomas relacionados com o uso do medicamento, tais como: dores de cabeça, falta de apetite, dores nas juntas, fadiga (que pode persistir ao longo do tratamento), porém dormir bem a noite, limitar as tarefas, comer bem, incluindo alimentos saudáveis, planejar atividade e tarefas diárias, são algumas dicas para se sentir melhor. Alguns pacientes não são acometidos de nenhum efeito colateral. A maior parte consegue completar o tratamento, mas, em alguns casos, é necessária a redução das dosagens ou sua descontinuidade.
Durante o tratamento deve-se manter o mesmo ritmo de vida e hábitos diários. É recomendado a ingestão de proteínas, de preferência vegetais (soja, grãos integrais), muita água (aproximadamente 2 litros/dia). Não beber absolutamente nada que contenha álcool.

Para aliviar alguns dos efeitos do Interferon:
- O analgésico (Paracetamol) pode ser usado para prevenir ou parcialmente aliviar a febre e dor de cabeça;
- Aplique-se o Interferon antes de deitar, assim o pico dos efeitos acontecerá durante seu sono;
- Conserve suas energias e tente manter um bom condicionamento físico;
- Beba muita água;
- Coma refeições equilibrada; tenha certeza de que está ingerindo uma quantidade adequada de calorias em sua dieta;
- Pense positivo, mantendo uma perspectiva mental saudável.

É melhor se considerar saudável e ter uma atitude positiva ao tratamento. Qualquer problema apresentado o médico deve ser comunicado.

Efeito Colateral
Tratamento
Quadro Gripal
Aplicar o interferon perto de dormir.
Ingerir o paracetamol 1 hora antes do interferon.
Ingerir bastante água (10-16 copos/dia).
Fadiga
Ingerir bastante água (10-16 copos/dia).
Procure repousar.
Exercício físico leve.
Reduza carga de trabalho.
Depressão
Comente com seu medico.
Considerar uso de medicação anti-depressiva.
Perda de Apetite
Faca pequenas refeições durante o dia.
Procure alimentar-se melhor pela manha.
Náusea/vômitos
Se ocorrer náusea use alimentos frescos, gelados, biscoitos ou torradas.
Evite alimentos gordurosos.
Considerar anti-emeticos.
Prurido/pele seca
Evite banhos muito quentes e prolongados.
Use hidratante.
Alergias de pele
Faca rodízio dos locais de aplicação do interferon.
Evite exposição solar.
Queda de cabelo
Comente com seu medico.
Lembre que haverá retorno do cabelo apos o termino do tratamento

Material elaborado pela Enfermeira Simone Bruno e Supervisionado pelos Drs. Elson Vidal Martins Junior e Ricardo Leite Hayden.
Casa da Hepatite da Universidade Metropolitana de Santos


Veja Também: Como Autoaplicar o Interferon.




 
     
  HOME | A CASA DA HEPATITE | HEPATITE | NOTÍCIAS | CONTATO
Casa da Hepatite - Universidade Metropolitana de Santos
Developed by GDM - Unimes Virtual